A Adifafe aposta na Internacionalização da marca nos vários sectores de negócio. A 7 de Janeiro, Joaquim Silva, CEO da Adifafe, esteve em entrevista com o Jornal T e a Portugal Têxtil, dando a conhecer a marca e os seus objetivos para o futuro.

Adifafe no caminho da internacionalização

A Adifafe aposta na Internacionalização da marca em vários mercados.

Nesta entrevista, deu-se especial destaque ao crescimento das vendas além-fronteiras, que deixam antever um processo cada vez mais rentável na internacionalização da marca.

Assim, ambiciona-se que a quota de exportação, atualmente nos 20%, duplique até 2025.
No decorrer da entrevista, Joaquim Silva revela, também, que “Em Portugal trabalhamos quase com toda a gente”, reforçando que a Adifafe dispõe já de uma carteira de clientes consolidada em mais de 4000.

Adifafe aposta na internacionalização da sua marca nos vários mercados onde actua.

À Portugal Têxtil, Joaquim Silva acrescenta que “À medida que as empresas crescem, apercebemo-nos que o nosso país começa a ser mais pequenino…”.Assim, dando largos passos na exportação e já com uma presença consolidada por todo o país, a Adifafe dá a conhecer o seu volume de faturação em 2018, que atingiu os 2 milhões de euros.
Como metas para os anos vindouros, o CEO da Adifafe deixa antever um forte investimento tecnológico, o aumento da exportação, o posicionamento nos mercados dos países nórdicos e pela angariação de novas certificações, como o GOTS – Global Organic Textile Standard e o GRS – Global Recycle Standard.
Conheça a Entrevista dada pelo CEO da Adifafe e fique a par das novidades!